12 passos para não engordar nas festas

Já começaram as festas! Para vários arrancam com ação de graças , e até 6 de janeiro. Por isso, é o momento certo, para fazer , como vamos fazer para aproveitar as festas ao 100% Sem acabar com os quilos extras para janeiro!


De acordo com um estudo publicado em setembro de 2016 no Jornal de Medicina de New England, sobre quanto ganha peso a pessoas em férias, concluiu-se o seguinte:


A média de ganho de peso nos EUA, Alemanha e Japão (pesándolos 10 dias antes do natal e 10 dias depois), foi entre meio e 1 quilo. Não é muito! O problema é que, embora pouco mais da metade desse peso se perde em poucas semanas, o resto fica todo o ano. Por isso, é importante tomar medidas para não subir e, mais ainda, se você estiver em um processo de redução de gordura e tonificação muscular.


Vai a Guia em 12 passos para não engordar nas festas


1. Come alguma coisa antes do evento. Às vezes, cometemos o erro de que, como temos compromisso e sabemos que haverá comida vamos praticamente em jejum! Erro! O corpo não gerencia; assim não comas todo o dia, se você abusar no jantar, para seu corpo se excediste, e TODO o excesso ¡se vai a gordura corporal, lota! Come alguma coisa antes mesmo que não tenha fome! Uma maçã, uma xícara de uvas ou o ideal uns pepinos ou jícamas, para que você esteja satisfeito e menos vírgulas.


2. Não te estresses! Não pense que a partir de agora, que haverá muita comida e você vai subir de peso, ou não pode cuidar de si. O stress engorda, além da liberação em excesso de cortisol, que aumenta a gordura no centro do corpo), você remove a capacidade de gozar plenamente “a comedera” e essa angústia, inconscientemente, te dará a ansiedade e vai querer comer mais.


3. Pensa em 8 refeições (não dias) fortes e livres na temporada. Tem os jantares, refeições e recalentados –sim aplica e vale a pena-. Os dias em que não tenha compromisso, guarda-te mais e, enquanto prova esta dieta que se pode servir, na seção de dietas de Fitness e Lifestyle.


4. Na festa, evita “botanear” e começa (embora não se antojen) com vegetais. Têm baixa densidade calórica (muito poucas calorias em muita quantidade de alimento). Então já sabe, começa com a salada verde (não o de maçã, não exagere!)


5. Antes de chegar à festa beba 2 copos de água natural. É comum confundir o desejo de comer, com sede. Assim que prevêem e para que você não abalances à snack ou à charolita do pão. Certifique-se de ir hidratado.


6. Tudo soma! Faça o maior número de exercícios possível. Você está a um bom tempo para somar a maior quantidade de horas por semana. Se a meta mínima é de 3 dias, 1 hora em hora. Aproveite agora para ir mais vezes! E, assim, “Guadalupe – Reis” se você só pode ir 2 dias, está OK. ATENÇÃO! É melhor ir um dia de 30 minutos a não ir nem para um único dia da semana!


7. Se você pode ir em pouco tempo o ginásio, dê a alguma rotina de alta intensidade! Temos muitas no Challenge MOI. Ai vão as que mais te recomendo!


Queime gordura! Vamos deixar marcado


Abdômen: Morte para o mercado


8. O beneficia os pratos que se gostem, até a sobremesa! Mas seguindo a Regra (A) Marcus. Coma até que se saiba a 100, se você já sabe a 80, para!


9. Não bebas! Sou anti-álcool, por isso me custa ser objetivo e minha recomendação honesta é muito clara, Não há que beber! Peeeero, se você insistir –ou você gosta – o guia! Ou seja, tornar-se “louco” com um copo e completar com água mineral, sem álcool. E se beber, combina as bebidas com água natural, mineral ou refrigerante light.


Lee: beber álcool sem culpa


10. Traz sempre consigo (bolsa, mochila, carro, murse):



  • 1 barra de proteína

  • Compra saquinhos individuais de jitomates cherry ou cenouras baby para que antes da festa se a vírgula.

  • Se você comer produtos lácteos, um iogurte desnatado é muito bom snack

  • 1 sobrecito com prote em pó. Se você tem o shaker melhor, se não, vazio da amb em uma garrafa de água, agistas e pronto!

11. O Date chance! Se em um jantar, já que você gastou, nem modo ao outro dia faça 30 minutos extra de cardio (cheque essas dicas) E comer mais vegetais e menos farinhas e cereais.


12. Divirta-se! E escolha as suas batalhas. Se preferir, sobremesas, come leve o salgado e gosta de doce ou se és salgado, Faça um favor e não come sobremesa!


O aplique! E se você tem dúvidas, nos vemos no Facebook KEI Fitness Lifestyle

10 coisas que você tem que fazer para cuidar do seu coração

Redação Moi – 29 setembro, 2016CompartirFacebookTwitter

29 de setembro é o Dia Mundial do coração, é uma data para ter consciência e cuidar da nossa saúde.

É a primeira causa de morte a nível mundial e se cobram cerca de 17 milhões de vidas por ano, se não tomamos precauções pode ir até aos 23 milhões.

#ConsultorioMoi: Cuidados básicos do coração

1. Fazer uma dieta mediterrânea tem sido associado a melhorias na saúde do coração, benefícios para a diabetes tipo 2, manutenção do peso ideal e uma maior longevidade).

  • Embora nos países mediterrânicos, se consome mais gordura do que nos Estados Unidos, a incidência de doenças cardiovasculares é muito menor.
  • Em 16 de novembro de 2010, a dieta mediterrânica foi declarada Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade.
  • Está baseada nos padrões alimentares de países como Espanha, Portugal, França, Itália, Grécia e Malta.
  • As características principais desta alimentação são um alto consumo de produtos vegetais (frutas, verduras, legumes, frutos secos), pão e outros cereais, sendo que o trigo é um alimento básico), o azeite como gordura principal, o vinagre e o consumo regular de vinho em quantidades moderadas.
  • Reduz em 30% o risco de desenvolver diabetes tipo 2, sem necessidade de reduzir a ingestão calórica, o peso ou a fazer exercício físico.

dieta mediterrânea2. Adicionar a sua alimentação alimentos saudáveis para o coração: salmão, nozes, frutas cítricas, morangos, óleo de oliva.

3. Fazer uma rotina de exercícios de pelo menos 150 minutos semanais de atividade moderada a intensa.

4. Manter o peso ideal conhecendo o seu índice de massa corporal (IMC), uma medida que relaciona a idade, a estatura e o peso, que serve de guia para determinar se a pessoa tem um peso saudável em relação ao seu tamanho, ou se, pelo contrário, sofre de excesso de peso ou obesidade.

Para tirar o seu índice de massa corporal:

1. Multiplique sua altura ao quadrado (Ex. 1.70 por 1.70 = 2.89)
2. Divida o seu peso entre o resultante (Ex. 70/2.89 = 24.22)
3. Seu IMC é 24.22

  • 19 a 24 é normal
  • 25 a 29 é excesso de peso
  • De 30 em diante é obesidade

5. Fazer um Eletrocardiograma em repouso.

  • Mede quão rápido está palpitando o coração e se ele estiver fazendo normalmente
  • Serve para avaliar a forma em que o coração responde às exigências da atividade física.
  • Permite diagnosticar problemas cardíacos como arritmias, taquicardia, ritmo cardíaco lento ou qualquer dano ao seu coração.

6. Fazer uma prova de esforço.

  • É usado para medir o efeito do exercício sobre o coração.

7. Fazer um exame de sangue com o perfil de lipídios com proteína C recativa ultrasensible.

8. Deixar de fumar.

  • O tabagismo está associado a muitas doenças, não apenas os pulmões, mas também do coração e ao desenvolvimento de vários tipos de câncer, como o câncer de pâncreas e ao câncer de pele, além do câncer do pulmão, é claro, do qual é a causa número 1.

9. Evitar o estresse.

10. Perguntar a seu médico se você precisa tomar aspirina em doses baixas.

Você gostou desta nota? Califícala

1 Estrela2 Stars3 Stars4 Estrelas5 Stars (9 votos, average: 4.11 out of 5)
Loading…

10 alimentos que te enchem e são saudáveis

Esta fome sem llenadera pode ser causa da leptina. E isso o que é? A leptina é uma hormona envolvida na regulação do peso corporal, ocorre na gordura. Através de sinais nervosos manda para o cérebro mensagens para comer ou deixar de comer. Regula a qualidade e o ritmo de seu metabolismo algo como ligar ou desligar o botão da fome.


O que você deve comer para regularla? Estes 10 alimentos-chave:


Ovo: É uma proteína completa, ou seja, tem nove aminoácidos que o corpo não pode produzir e estes liberam hormônios no nosso intestino, que nos tiram a fome. Se de um pequeno-almoço ovo com alguns legumes certeza não vai passar mal durante o dia e você terá um café da manhã com poucas calorias.


Aveia: Uma opção alta em fibra que faz você se sentir cheio, pois tem a capacidade de absorver os líquidos. Esta desdobra-se em seu sistema digestivo e leva mais tempo para digerirse e que te de fome. Almoçar ou jantar aveia com amêndoas ou nozes ajudam a llenarte e estabilizar seus níveis de insulina.


Seguro te interessa: Alimentos que te dão energia para acordar


aveia


Papa: Não acredito que as batatas fritas são a opção, nos referimos ao forno ou cozidos, como a aveia te cheias por seu alto conteúdo em fibra, vitaminas e outros nutrientes. Uma porção de batatas cozidas (180 g) contribui com 3 gramas de fibra, mais do que o pão ou arroz integral.


Maçã: Além de contar com antioxidantes, fibras e pectina ajudam a acalmar a sua fome. Além disso, as maçãs levam muito tempo para comer, assim você se entretém e a sua “fome” diminui, o que muitas vezes pode ser ansiedade.


Também lê: Que tipo de jantar é você?


via GIPHY


Abacate: É uma gordura natural que ajuda a absorver nutrientes em nosso corpo. Esta tem proteínas que ajudam a tirar a fome. Aproveita e você pode comê-lo como complemento. Por isso e seis razões mais amamos o abacate, checa os benefícios aqui.


Pipoca: A verdade é que são super divertidas e ocupam muito espaço no nosso estômago, abaixam os níveis de ansiedade. Além de ter poucas calorias lhe dão a sensação de que estas comendo muito e se sentir cheio.


Claro que estamos falando de pipoca caseira, sem manteiga, doce, queijo ou coisas que são zero saudáveis.


Pipoca-de-milho


Figos: Devido à sua lenta liberação de açúcar no sangue, são ótimas para que não se de o aumento desta, que é o que te faz comer mais. Comer um prato de figos com uma colher de chá de queijo de cabra e nozes há um café da manhã perfeito e llenadero.


Iogurte: Não se emoções e o encha de mel com granola, falamos de um baixo teor de gordura e de preferência sem açúcar. Devido aos seus altos níveis de proteína é muito bom para não encher de mil porcarias. Experimente como lanches.


Chocolate escuro: você Tem vontade de algo doce? Esta é a sua melhor opção, é uma boa sobremesa ou lanches. Não só melhora o seu processo de digestão também contém antioxidantes naturais. Se você vai comer faz com que seja de 70% amargo.


Peixe: Contém grandes quantidades de ácidos omega 3 que nosso corpo precisa para aumentar a serotonina e acalmar nossa ansiedade. Lembre-se seu corpo não é um aspirador de pó que arrasa com tudo o que você tem em frente, tome cuidado e lembre-se de escolher corretamente para que a leptina é regulado.

10 razões para começar a nadar

Não é por acaso que as pessoas com um histórico de treino na água, seja mais flexível, com músculos tonificados e boa figura. Existem razões fisiológicas pelas quais isso acontece. E esta semana te dou 10 benefícios de treinar na piscina para qualquer idade!


1. Você não tem que saber nadar! A grande versatilidade que o meio aquático dá, te permite treinar de duas formas: a natação tradicional ou exercícios de força na água. Os clubes esportivos ou gym atribuídos nomes a estas classes, como história, aquaeróbics, entre outros; qualquer um que você escolha se dará benefícios com menor estresse articular.


2. Você se cansa menos e trabalha mais músculos, do que fazendo o mesmo esforço na terra! Na água, a pressão hidrostática, ajuda a que o sangue voltar mais facilmente para o coração, portanto, a frequência cardíaca leva mais em elevar-se sobre a terra, e no momento em que pára, esta baixa mais rápido; por isso que podemos nos manter mais tempo e com maior facilidade em nossa zona ideal de treinamento. De fato, quando calcules sua frequência de trabalho, você precisa subtrair 10 pulsações, para conseguir o mesmo resultado em água ou nadar. Se você tem dúvidas checa esta nota.


3. De acordo com estimativas, ao nadar, trabalha com cerca de menos 30% de seu peso corporal, portanto, há menos carga sobre as articulações e a coluna vertebral, além de ser mais leve permite que qualquer quantidade de movimentos que, em terra, talvez não consiga. Experimente fazer os fundos e verá como você pode se levantar mais fácil do que fazendo o movimento em terra. ¡Checa o video!


4. O Fortalece os músculos sem carregar pesos extremos! A densidade de água em relação ao ar é muito maior, portanto, o único a dar um passo dentro da piscina se exige um esforço maior. Se você quiser um trabalho de força, a água será a sua melhor aliada para gerar resistência.


Além disso, a resistência que a água oferece é diretamente proporcional à força que tu lhe apliques, o que lhe permite um fortalecimento gradual, sem um risco de lesão. Mas procure não “brigar” com a água (ela sempre ganha).


5. O queimas mais calorias por pele! A temperatura das piscinas em academias ou centro desportivos de prestígio, oscila entre os 28° e 30°, o corpo humano é de 36°, de tal maneira que seu corpo tem que fazer um gasto maior de calorias para não perder a sua própria temperatura. DICA: quanto mais baixa a temperatura da água, você pode queimar mais calorias para que não se queixam, se a água não está “tibiecita”!


6. Relaxe e medite na água! Alguns estudos mostram que a água é um excelente transmissor de emoções, de modo que, se você ruins ou muito estressado uns saltos dentro da piscina e sentir-se muito melhor. De fato, em alguns países já utilizam técnicas mind & body “traduzidas” para o ambiente aquático: yoga, relaxamento, meditação e psicoterapia.


7. A natação é considerada um esporte completo pois trabalha tanto o sistema cardiovascular, respiratório e muscular. O que o torna um meio muito eficaz para queimar gordura. Por exemplo: em 30 minutos de natação contínua ou caminhada aquática, você pode queimar mais ou menos o mesmo que se corrieras em ritmo suave, mas tudo depende do seu peso, da intensidade decorrido e da eficiência nadando.


8. Nadando, você pode queimar até quatro vezes mais calorias do que andando, dependendo da velocidade. A intensidade e a eficiência com que nades vai determinar o diferente, consumo de calorias, que pode variar entre 300 e 900 kcal/hora. Na natação, o número de calorias necessárias para avançar dentro da água é quatro vezes maior do que necessários para realizar uma atividade de caminhada. Para que se dê uma idéia, veja quantas calorias são queimadas em cada tipo de exercício.


9. Além de que o efeito de boyancia (flutuação) faz com que impactes menos as articulações e o torna ideal para recuperar de lesões ou para treinar, se andas “lastimadón”, O corpo consome mais calorias ao tentar manter-se flutuando.


10. Todo o tempo que se move na água, você está fortalecendo! O corpo requer mais esforço para se deslocar, pois tem que lutar contra a resistência da água.


Então, vamos nadar! E se você domina, checa em Fitness Lifestyle, que estilos de nadar lhe ajudam a melhorar certas partes do corpo.